terça-feira, 25 de setembro de 2007

Programa de Desenvolvimento Solidário apresenta nova fase

Hoje, dia 25, ocorreu Seminário do Seridó no Centro Pastoral Dom Wagner, tendo como tema central as perspectivas e desafios da nova fase do Programa de Desenvolvimento Solidário –PDS, no Rio Grande do Norte.
O evento contou com apresentação de relatório referente ao Seminário Estadual, sobre negociações, estratégias e acordo do Governo do Estado com Banco Mundial, através de representantes do SEAPAC e FETARN. Também ocorreu prestação de contas e apresentação da nova fase do Programa, pela comissão de controle interno do Programa. Encerrando o evento, José Gercino Saraiva, coordenador do Programa no RN e membros do Conselho de Desenvolvimento Rural, debateram as perspectivas e desafios da nova fase do Programa de Desenvolvimento Solidário no Estado.
De São João do Sabugi, esteve presente alguns representantes das associações e Prefeitura Municipal, entre eles, o secretário de agricultura Inácio Dantas, Rubens Medeiros, Onaide Lucena, entre outros.
No Rio Grande do Norte, o Programa de Desenvolvimento Solidário – PDS, tem beneficiado 72 mil famílias, distribuídas em 152 municípios, em prol do combate a desigualdade social, beneficiando artesãos, filarmônicas, famílias residentes na zona rural e outros grupos, que organizados, apresentam projetos através de suas associações.
O Estado tem ganhado destaque quando trata-se de programas sociais e no último dia 24, o Banco Mundial aprovou liberação de 82,5 milhões de dólares, para benefício da convivência com o semi-árido. Com este valor, haverá aplicação em construção de barragens, cisternas, açudes, poços, instalação de dessalinizadores e financiamento de mais 1600 projetos, em benefício de 50 mil famílias, de 165 municípios potiguares, além de outros benefícios, que possibilitam melhor qualidade de vida, na zona rural.
Através dos projetos vinculados as associações, os pequenos produtores rurais, assalariados, assentados, artesãos e outros grupos organizados em comunidade, poderão ser beneficiados, recebendo financiamento para produzirem em comunidade; combatendo assim, a desigualdade social.
Anna Jailma - jornalista

domingo, 23 de setembro de 2007

Serra do Mulungu recebe visitas

Foto: Anchieta França
Ao amanhecer de hoje, precisamente às 5 horas, um grupo de sabugienses, amantes da Serra do Mulungu e da natureza, irão seguir, em trilha, ao encontro da majestade Montanha Mulungu. A trilha integra a programação de uma semana, em comemoração ao Dia da Árvore, ocorrido em 21/09.
Ecológicamente corretos, os peregrinos irão recolher todo lixo encontrado no caminho, até a Serra do Mulungu. A saída será da Praça Antônio Quintino de Araújo.
Desta vez ainda não irei...gosto de contemplar a Serra do Mulungu como se ela fosse uma estrela: distante e presente, entre o abstrato pela distância e concreto pela certeza de sua existência. Mas, um dia, num amanhecer como o de hoje, irei; como se tivesse indo a uma espécie de Canaã, a terra prometida; ou a Jerusalém, a terra santa...porque a Serra do Mulungu, para os filhos de São João do Sabugi, é um Monte Sinai; é quase sagrada...Irei sim, um dia...não hoje.
Abraços aos peregrinos da Montanha Mulungu.

Anna Jailma - jornalista.

sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Filarmônica Recreio Caicoense grava seu primeiro CD










A Filarmônica Recreio Caicoense completa 100 anos neste ano, e com apoio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, de Caicó, terá seu primeiro CD gravado, sob a regência do maestro Totó Medeiros; registrando neste CD, seus 100 anos de história e cultura. As festas de Sant'Ana, as festas de Nossa Senhora do Rosário, o passeio nas praças, as procissões, as alvoradas, a festa, o riso do povo seridoense, as emoções fortes do nosso sertão... tudo isso, aqui no Seridó, tem a música marcando presença, tornando tudo mais belo, vivo e pulsante. É esta emoção, esta história que a Filarmônica Recreio Caicoense traduz em seus acordes e agora registra em CD.
Na última terça-feira, dia 18, o músico sabugiense, Urbano Medeiros, chegou a Caicó, para colaborar efetivamente na produção deste CD. A gravação do CD ocorreu no Centro Cultural Adjunto Dias e já tive oportunidade de ouvir algumas músicas: um encanto, uma viagem pelas histórias do nosso Seridó, pelas nossas raízes mais fecundas.
O próximo passo será encaminhar o CD para masterização e o lançamento da grande obra artística, irá ocorrer na Semana Cultural, promovida pela Sec. Municipal de Educação e Cultura, com previsão para ocorrer em novembro, na capital do Seridó.
Parabéns aos irmãos Medeiros, sabugienses de corpo e de alma: Totó, Ubaldo e Urbano Medeiros. Parabéns pela empatia com a música, pela sensibilidade, por serem sábios de coração; por desempenharem tão bem, a linda missão de transformar emoção, história e vida, em melodias.


Anna Jailma - jornalista

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Coisas do Senado...


A história de Renan Calheiros, no Senado, me tira o ânimo, me deixa sem palavras e com um "gosto amargo de fel", como canta Maria Bethânia...Ah, se eu descubro o nome dos senadores, que votaram a favor de sua permanência; no Senado...

Renan, e sua absolvição no Senado, me lembra as eternas músicas deste nosso Brasil: "Brasil, mostra sua cara, quero vê quem paga pra gente ficar assim..." cantava Cazuza..."Que país é esse?" cantava Renato Russo... e "a coisa aqui tá preta..." canta Chico Buarque, entre tantas outras. Mas, a música A VOLTA DO MALANDRO, cantada pelo Chico Buarque de Holanda eu tenho que registrar...E Chico Buarque, que me perdoe, mas esta é a cara do Renan:


Eis o malandro na praça outra vez
Caminhando na ponta dos pés
Como quem pisa nos corações
Que rolaram nos cabarés


Entre deusas e bofetões
Entre dados e coronéis
Entre parangolés e patrões
O malandro anda assim de viés


Deixa balançar a maré
E a poeira assentar no chão
Deixa a praça virar um salão
Que o malandro é o barão da ralé...


P.S A "ralé" é nosso Senado.


Anna Jailma - jornalista.

sábado, 15 de setembro de 2007

Serra do Mulungu!





VOTE em 7 MARAVILHAS !!!! Coloque entre as sete maravilhas do Estado, a SERRA DO MULUNGU (a 1ª da lista). DIVULGUE, acesse o link abaixo e Obrigada!www.dnonline.com.br/setemaravilhasdorn

quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Grito dos Excluídos ocorreu ontem, em Caicó.

Pe. Lucena, Pe. Edson, Dom Delson e Pe. Gleiber

Dra. Verônica Alcântara


Cláudio Sandêgi fazendo a divulgação
Pastoral da Criança de S. João do Sabugi
Pastoral do Idoso de S. João do Sabugi
Grupo de teatro Sertão Vivo

Um olhar de menina sob a cidade...


Capoeira Terra do Sol



Grupo de teatro Sertão Vivo

Nossos violeiros

Damião do SEAPAC

Zé Procópio - SEAPAC, ADESE

Roberto Germano




Contra a venda da Vale do Rio Doce


Protesto dos agentes de saúde e endemias de Caicó


APAE


O povo na Cel. Martiniano


Ten. Laurentino Cruz


No último dia 11, todo o Seridó esteve presente em Caicó, através de suas associações, entidades, pastorais e sociedade civil organizada, participando do Grito dos Excluídos de Caicó e Seridó.
O evento foi organizado pela Diocese de Caicó, através das Paróquias e pelo Fórum Popular de Debate Permanente sobre as Políticas Públicas de Caicó, formado por mais de vinte instituições da sociedade civil organizada. O Grito dos Excluído ocorreu como ato integrado a Semana Nacional pela Cidadania, tendo o objetivo de denunciar as formas de exclusão social e os fatores que provocam falta de perspectiva de futuro e desigualdade social, que tanto escraviza a população carente.
A caminhada culminou no cruzamento da Av. Cel Martiniano com Av. Seridó, onde houve apresentação do grupo de teatro Sertão Vivo, do grupo de capoeira Terra do Sol, violeiros e ato ecumênico celebrado com presença do bispo diocesano Dom Delson, sacerdotes da Diocese e pastores evangélicos.
Durante todo o percurso da caminhada, os participantes ora acenavam com lenços pretos em sinal de protesto contra a desigualdade social e ora, acenavam com lenços brancos, em sinal de esperança em dias melhores. O Grito dos Excluídos representa a luta por uma política econômica que respeite dos direitos dos brasileiros, na política, no âmbito social, na cultura e no meio ambiente.
De São João do Sabugi, esteve presente a Pastoral da Criança e Pastoral do Idoso, com cartazes e faixas, integrados no evento.

Anna Jailma – jornalista.

Faculdade Católica desenvolve projeto social em Caicó

A Faculdade Católica Santa Teresinha firmou convênio com 07 instituições de Caicó. A iniciativa faz parte da disciplina de Prática Administrativa, do 6º período do curso de Administração e tem como objetivo colocar os futuros administradores, em contato direto com uma realidade administrativa prática, bem como, contribuir, através de um diagnóstico empresarial, na gestão destas instituições. “O projeto é pioneiro na área de responsabilidade social, está inserido na filosofia pedagógica da Faculdade Católica, sendo uma de nossas prioridades”, destaca o professor Valdick Paiva, responsável pelo projeto.
As instituições que firmaram convênio com a Faculdade Católica, integrando este projeto, são: APAE, ADESE, Aldeias Infantis SOS, CRACAS, Casa do Empresário, Hospital do Seridó e MEIOS.Os trabalhos tiveram início no último dia 05 e irão permanecer até dezembro deste ano.
Anna Jailma - jornalista

IBGE informa censo preliminar 2007

São João do Sabugi tem 5.210 habitantes.


O IBGE divulgou censo preliminar da contagem de população brasileira, em 2007, mas até a data de hoje, os recenseadores irão retornar as residências onde não houve entrevista, para atualização dos dados e conclusão da contagem . Em 24 de setembro será divulgada a relação final da população brasileira, dos 26 Estados, Distrito Federal, incluindo os 5.564 municípios.
Conforme os dados preliminares já divulgados em 31 de agosto, aqui na região Seridó, Caicó continua sendo a cidade de maior população, com total de 59.432 hab. Em seguida, Currais Novos com 40.529, Parelhas com 19.863 habitantes, Jardim de Piranhas com 13.492 e Jardim do Seridó com 11. 994 habitantes. Nossa cidade, São João do Sabugi, conta com 5.210 habitantes.
Jucurutu, localizada na região do Vale do Açu e próxima ao Seridó, conta no RN com o total de 17.480hab. A capital do Estado, Natal, totaliza 750.685 hab. sendo seguida por Mossoró, com 226.975 habitantes e Parnamirim com 150.062. No Estado a cidade de menor população continua sendo Viçosa, com 1.751 habitantes.
Segue abaixo, outras cidades do Seridó potiguar:
Acari, 10.895 hab; Carnaúba dos Dantas, 6.750hab; Cruzeta, 7.813 hab; Equador, 5.890 hab; Florânia, 8.150 hab; Ipueira, 2.030 hab; Ouro Branco, 4.802 hab; Santana do Seridó, 2.589 hab; São Fernando, 3.378 hab; São José do Seridó, 3.929hab; Serra Negra do Norte, 7.304 hab; Tenente Laurentino Cruz, 4.839 hab; e Timbaúba dos Batistas, 2.270 habitantes.
Anna Jailma - jornalista

segunda-feira, 10 de setembro de 2007

Equaforró de Equador RN: eu fui!

Alcimar Monteiro foi o rei da festa

O prefeito Zenon Sabino

e a esposa Noeide

foram impecáveis

na organização do evento

O povo fez a festa no Equaforró

Praça José Ageu de Castro, onde teve estrutura de camarotes e palcos


Foi bom demais: amanheci na praça!



Todo mundo dançou aí...

Desde 06 de setembro estava ocorrendo o Equaforró, na cidade de Equador, RN, com encerramento neste domingo, dia 09 de setembro. A festa ocorreu na Praça José Ageu de Castro, reunindo todos os equadoenses e muitos visitantes, inclusive, do vizinho Estado da Paraíba.
O evento consagrou-se neste ano como "Maior São João Fora de Época do Seridó" e a Prefeitura Municipal de Equador está de parabéns pela impecável organização. O espaço reservado para o evento estava ornamentado com decoração junina; palco e telões armados em locais estratégicos; camarotes ao lado da Praça; barracas com acessórios e traillers de comidas e bebidas, bem localizados, sem interferirem no espaço reservado para dança; muitos policiais, garantindo a segurança do evento, inclusive, com visão ampla através dos telões; equipe de comunicação em atuação durante todo o evento, fazendo cobertura para site e telão do evento, e equipe de limpeza, transitando em tempo integral, limpando discretamente o ambiente, proporcionando um ambiente agradável aos forrozeiros de plantão. Entre os artistas do evento, Aleijadinho de Pombal, João Bandeira, Alcimar Monteiro, Banda Status, Paulinho & Parcélio, e a dupla Sirano & Sirino, fizeram a festa. Fazendo a comunicação do evento, estava o radialista caicoense Canindé.
Quero destacar minha admiração pelas músicas cantadas por Alcimar Monteiro. Como é bom ainda ouvir um bom forró, podendo dançar "cantando" a música, sem ter medo da letra, músicas que falam da beleza da vida, sem denegrir a mulher, respeitando nossos ouvidos. Na apresentação do artista, no último sábado, o próprio Alcimar Monteiro frisou este respeito que ele tem pelo que canta, e criticou abertamente composições que denigrem a imagem da mulher, e que, como ele mesmo disse, "tiram a inocência de nossas crianças".
Finalizo, parabenizando o prefeito de Equador, Zenon Sabino, e sua esposa Noeide, que organizaram o grandioso evento, proporcionando uma gostosa festa junina, em pleno mês de setembro.O casal organizou e se integrou com o Equaforró, inclusive, subindo ao palco com Alcimar Monteiro, entrando no clima do mais puro forró. Pois é, eu fui ao Equaforró e adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiii! Se você não foi, apareça lá no próximo ano. Se você foi, já sabe: vale a pena repetir.
Anna Jailma - jornalista

Independência, ou morte!


Em 7 de setembro, aconteceu o tradicional desfile cívico em São João do Sabugi, RN. Neste ano, houve desfile na tarde do dia 06, apresentando o Ensino Infantil das nossas escolas e na tarde do dia 07, o Ensino Fundamental e Ensino Médio apresentaram-se, sendo acompanhados pelas nossas fanfarras, pelos militares da Polícia Militar, em desfile, e pela nossa Filarmônica Honório Maciel.
Os nossos estudantes mostraram no desfile, o amor à pátria e também alguns "alertas" para nossos dias. Foi mostrado a indignação com os políticos corruptos do país, a história dos nossos índios, a preocupação com a desertificação e preservação do meio ambiente, entre outros assuntos, despertados em desfile, como forma de "abrir nossos olhos" e fazer um amanhã mais independente neste país; pois, como disse Dom Pedro I, "é independência ou morte!".
Em São João do Sabugi, contamos com a Escola Municipal Pe. Joaquim Félix, que tem Ensino Infantil e Ensino Fundamental; Escola Estadual Santa Terezinha, com ensino do 1º ao 4º ano do Ensino Fundamental e ensino de Supletivo para jovens e adultos; Escola Estadual Senador José Bernardo, com Ensino Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio; Creche Municipal Nilciene Mariz, com Ensino Infantil; Creche Municipal Necy Lucena, com Ensino Infantil; e Escolinha Paraíso Infantil, escola privada, de Ensino Infantil.
Vale destacar que contamos com duas fanfarras, formada por adolescentes e jovens da comunidade, que juntos aos músicos da Filarmônica Honório Maciel, abrilhantaram nossa comemoração cívica.


Anna Jailma - jornalista.

quinta-feira, 6 de setembro de 2007

Longe de Casa II - Por Geraldo Medeiros


Sabugiense Ausente
Por *Geraldo Medeiros.


Eu saí de São João do Sabugi ainda muito jovem, andei por vários lugares: Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais. Isso entre 1970 e 1972. Depois, voltei e fiquei até 1974 em Caicó. Logo no início deste mesmo ano fui para o Rio de Janeiro, onde fiquei até 1977 e só depois, vim para São Paulo, onde permaneço até hoje.Naquela época os nordestinos sofriam muito com preconceitos de grande parte dos sulistas, assim denominados. Mas, com o tempo nos acostumamos e isso hoje em dia, não existe tanto quanto antes, eu acho...No campo profissional as oportunidades são muitas, em diversas áreas. É evidente que nem todos conseguem o verdadeiro objetivo. Agora falar de saudade! É ... são lembranças intermináveis, dos pais, irmãos, parentes, namorada e das festas, que são incomparáveis.Vou finalizar mencionando uma coisa que eu gostava muito em São João do Sabugi e penso que não existe mais. Era o serviço de “alto falante”, A Voz do Sabugi, acho que era assim anunciado. Era muito legal na época...

Um abraço.

*Geraldo Medeiros é sabugiense, primo do historiador João Quintino e de Dedé Cândido. Reside em Guarulhos SP, onde construiu família. Geraldo é visitante freqüente dos blogs de São João, comunidades de orkut e sites que falem em São João do Sabugi e/ou região Seridó.

Hoje: acidente com carreta no centro de Caicó



Fotos: Cláudio Farias

Uma carreta teve o parte traseira chamada de "esqueleto" solta, em pleno percurso, quando passava na Rua Renato Dantas, próximo ao Géu, onde costuma ficar passageiros de São João do Sabugi e da Palma. No acidente, quatro veículos foram envolvidos, sofrendo danos materiais, além da carreta.
Uma árvore localizada próximo a loja Eletrolar impediu do "esqueleto" da carreta danificar lojas da calçada, caso contrário o acidente poderia ter tido conseqüências mais graves. Nenhum transporte de São João do Sabugi foi envolvido no acidente e também não houve vítimas, felizmente.
Anna Jailma - jornalista

quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Equipe da Rede Globo esteve em São José do Seridó




Fotos (Carlos Felipe): Jornalista Camila Marconatto e equipe de Produção do Globo Rural, visitando o Programa Água Doce, em São José do Seridó.
O Assentamento Seridó, localizado há 10 km de São José do Seridó, recebeu a visita da equipe do Programa Globo Rural, nesta terça-feira, dia 04 de setembro.
A jornalista Camila Marconatto e equipe de produção, veio conhecer e divulgar o Programa Água Doce, desenvolvido pelo Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, em parceria com o Governo Federal, Embrapa, Emater, Prefeitura Municipal de São José do Seridó e Fundação Banco do Brasil. Não há data específica para apresentação do programa gravado, mas a jornalista acredita que em breve, o Seridó estará no ar, no Globo Rural.
O programa consiste na dessalinização da água, oferecendo água potável a comunidade e ainda trazendo outros benefícios, como preservação do meio ambiente e desenvolvimento de atividades produtivas. Neste programa, após a dessalinização, o rejeito é aproveitado para criação de tilápias, plantação de erva-sal e capim-elefante, que misturados à ração alimentam ovinos e caprinos.
A comunidade não sabia como aproveitar a água salobra e agora além da água potável, dessalinizada, eles têm trabalho no próprio projeto depois de terem recebido treinamento por técnicos do programa. Lidam com a criação de tilápia rosa e plantas utilizadas para criação de animais.
O sucesso do Programa Água Doce servirá de modelo para outros Estados do país que têm dificuldade em aquisição d’agua e o vice-governador Iberê Ferreira de Souza pretende disseminar o programa em outros municípios do Estado. Vamos torcer para que os prefeitos se mobilizem pela disseminação deste brilhante projeto.O Programa Globo Rural é apresentados todos os domingos na Rede Globo de Televisão, pela manhã, creio que a partir das 8h. Fiquem de olho.


Anna Jailma- jornalista

domingo, 2 de setembro de 2007

VII Embalo Jovem acontece domingo

No próximo domingo acontece em São João do Sabugi, o VII Embalo Jovem, reunindo jovens de toda a Diocese. O evento acontece no Clube Municipal, iniciando às 8h e encerrando às 16h com Missa na Igreja Matriz de São João Batista.
O Embalo Jovem tem o tema “Jovem, vinde e vede” que será desenvolvido em palestra com Pe. Fabiano Dantos, da Paróquia de N. S. da Conceição, de Jardim do Seridó.
No evento ira haver apresentação teatral, oficinas, animação e adoração ao Santíssimo Sacramento. Os responsáveis pela organização são os jovens do grupo Jovens Unidos Para Amar Cristo – JUPAC, sob orientação do pároco Janilson Alves de Oliveira e colaboração do seminarista Ítalo, da Paróquia de São José, em Caicó.
Anna Jailma - jornalista

Equaforró 2007 acontece em Equador


Nos dias 06, 07, 08 e 09 de setembro acontece o Equaforró de Equador, RN, cidade vizinha a Parelhas. O evento reúne grandes nomes do forró, fazendo daquela cidade um palco de muito “arrasta pé” e balanço, na Praça Ageu de Castro, centro da cidade.
A programação é a seguinte:
06/09: Aleijadinho de Pombal e Cipó de Boi
07/09: João Bandeira, João Bandeira Jr., Banda Calcinha de Renda e Carga Pesada.
08/09: Alcymar Monteiro, Parcélio & Paulinho e Banda Status
09/09: Sirano & Sirino e Passageiros do Forró.
O Equaforró já é evento tradicional de Equador e costuma reunir muitos visitantes, do Seridó potiguar e de cidades da Paraíba, sendo uma ótima opção neste feriadão. O evento é realizado pela Prefeitura Municipal de Equador e tem apoio do Ministério de Turismo.

Anna Jailma - jornalista