quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Eleição das Maravilhas do RN encerra hoje

Foto:Anchieta França

Nossa Serra e Nossa Terra: abençoadas por Deus e bonitas por natureza!


Hoje é o último dia para votar na Serra do Mulungu, entre as 7 maravilhas do RN. Os votos recebidos até a meia-noite de hoje serão computados a partir de amanhã, dia 1º de novembro; sendo que, o resultado será divulgado no Diário de Natal, em 04 de novembro.
Não perca a oportunidade de declarar seu amor a Serra do Mulungu! Para votar,basta acessarwww.dnonline.com.br/setemaravilhasdorn com CPF em mãos, para registrar seu voto.
Ressaltamos, mais uma vez, que em São João do Sabugi, as Secretarias do Município estão integradas na campanha, de forma que, indo até lá, você terá a oportunidade de votar na nossa Montanha Mulungu. Também na Escola Estadual Santa Terezinha, estão abertos para os sabugienses que queiram votar.
Vamos aguardar o resultado, com pensamento positivo! De uma coisa tenho certeza: nós, amantes da Serra do Mulungu, fizemos nossa parte, sempre integrados em toda parte do país, unidos pela valorização do nosso símbolo maior, a majestosa Serra do Mulungu!




Anna Jailma - jornalista e blogueira

Revisão Eleitoral ocorre em São João do Sabugi

Os eleitores de São João do Sabugi, devem comparecer ao Forúm para a Revisão Eleitoral, que está ocorrendo no município. É necessário que compareçam até dia 20 de novembro, tendo cópia de RG, CPF, Título de Eleitor e Comprovante de Residência. Os eleitores que fizeram inscrição do título ou transferência após 31 de dezembro de 2006, são dispensados da Revisão.
A Revisão Eleitoral está ocorrendo em 61 municípios do Rio Grande do Norte,e entre estes, oito municípios são da região Seridó: São João do Sabugi, Ipueira, Florânia, Ouro Branco, Santana do Seridó, São José do Seridó, Timbaúba dos Batistas e São Fernando.
A Revisão Eleitoral é determinada pelo Tribunal Regional Eleitoral - TRE, em conformidade com o artigo 92 da Lei 9.504/97, da Lei das Eleições. Este procedimento ocorre quando o número de eleitores é superior a 80% da população; quando as transferências de títulos, do ano em curso, são 10% a mais que o ano anterior e quando o eleitorado for superior ao dobro da população, entre 10 e 15 anos; somados também aos idosos com mais de 70 anos.
A comparação entre o número de habitantes dos municípios e o eleitorado, foi realizada conforme cadastro eleitoral e projeções populacionais do IBGE, no último Censo. Em São João do Sabugi, o número de eleitores ultrapassa 4 mil, sendo que o número de habitantes, é de pouco mais de 5 mil.
No Estado do Rio Grande do Norte, percebe-se um número alto de municípios a serem revisados. O Estado da Bahia, por exemplo, tem 57 municípios com Revisão Eleitoral; enquanto o Rio Grande do Norte, bem menor que a Bahia, tem revisão em 61 municípios. São Paulo, tem 91 municípios com Revisão, apenas 20 municípios a mais que o RN.
A Paraíba também tem um número expressivo de municípios com Revisão Eleitoral: 75 municípios. Amazonas e Acre têm somente em 1 município; o Pará e Rio de Janeiro têm apenas em 8 municípios. No total, 24 Estados brasileiros estão em Revisão Eleitoral, correspondendo a 1.128 municípios.
Anna Jailma - jornalista e blogueira.

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Missões integram Festa do Coração de Jesus

Hoje, dia 29, Pe. Janilson e missionários dos Setores das Missões Populares, da Paróquia de São João Batista, estiveram reunidos com a comunidade, em caminhada. Eles saíram da Igreja Matriz de São João Batista até o Cruzeiro das Missões Populares, localizado no Sítio de Massilon e Terezinha. Em caminhada, eles vivenciam momentos de oração e meditação, integrando as Missões Populares na Festa do Coração de Jesus.
Amanhã, dia 30, e na quarta-feira, dia 31, a caminhada missionário se repete, sendo em visita nas residências das famílias sabugienses da zona urbana. No horário das 7h às 11h e das 16h às 17h, o pároco e missionários percorrem as ruas, conhecendo as famílias e evangelizando.
Em novena realizada na noite de 28 de outubro, na residência de Palmira Garcia, o Pároco Janilson destacou a lembrança de Frei Damião, frade que pregava a Palavra de Deus em Missões pelo Nordeste; inclusive, várias vezes visitando nossa São João do Sabugi, acompanhado do também inesquecível Frei Fernando. "Não temos mais Frei Damião, mas, vamos continuar vivendo o papel de missionários", destacou Pe. Janilson.
Vale destacar que na Paróquia de São João Batista, há 50 crianças integrando a Infância Missionária, grupo organizado por Maria da Penha Araújo, coordenadora também do Setor II das Missões Populares - Santa Terezinha.
Os setores missionários de São João do Sabugi, são: Setor I - Sagrado Coração de Jesus, coordenado por Eliene Medeiros, abrange do Largo Ana de Souza a Praça Antônio Quintino de Araújo; Setor II - Santa Terezinha, coordenado por Maria da Penha, que abrange parte da Av. Honório Maciel até R. João Manoel (próximo ao Mercado Público); Setor III - Nossa Senhora Aparecida, coordenado por Ermita Lucena, abrangendo da R. Marinheiro José Lucena até R. Francisco Quinino (próximo ao bangalô); Setor IV - Santo Antônio, organizado por Lourdes Brito, abrange da R. Francisco Quinino até parte do bairro Novo Horizonte; Setor V - São José, organizado por Raquel Fernandes, do bairro Nova Descoberta até Ipueirinha; e Setor VI - São Sebastião, coordenado por Janúncio Lucena, sendo da COHAB até parte do bairro Novo Horizonte.
Que Deus abençoe os missionários de ontem e de hoje!
Anna Jailma - jornalista e blogueira.

Halloween...Uiiiiiiii!!!




Fotos (arquivo pessoal): Ambiente de empresa paulista, com seus funcionários (meus colegas), em clima de Halloween.


Em 31 de outubro, a Halloween acontece em vários países do mundo, principalmente, nos Estados Unidos da América (EUA). Os celtas acreditavam que a cada 31 de outubro, na véspera do Dia de Todos os Santos, os espíritos vagavam com objetivo de encontrar um corpo para apossar-se. Com base nisso, os celtas faziam de suas casas um lugar mais "assombroso" que o próprio cemitério e seus espíritos horrendos.
A idéia de que os espíritos saem vagando a cada 31 de outubro já não é tão lembrada, nos nossos dias, mas Halloween tornou-se uma festa tradicional; preservando as características assustadoras e sendo, ao mesmo tempo, divertida. Festejada em muitos países; inclusive no Brasil, a Halloween é muito lembrada na região Sudeste, sendo comemorada até nas empresas. Quando trabalhei em empresas de Uberlândia, MG, e Campinas, SP, vivenciei a Halloween de perto. Lá os funcionários mais assustadores ganham prêmio...Confesso que não me senti muito à vontade, mas, ajudava na decoração e cheguei a me vestir de bruxa; fazendo daquele filme de terror, um dia divertido de trabalho. As salas eram decoradas com algodão nas paredes e nas P.As ( Posição de Atendimento), lembrando "casas de aranha", com pequenas aranhas (bem feias...) de plástico, penduradas. Bonecas com esparadrapo e manchas vermelhas, fingindo sangue, era de praxe...E nós, nos vestíamos pior que qualquer espírito imaginado pelos celtas.
Lembro que certa vez, em Minas, uma moça veio trabalhar de vestido preto de noiva e véu preto de renda; rosto pintado de branco e uma lágrima vermelha pintada. Ah! Tinha um bouquet de flores roxas nas mãos e não falava, entrou de passos lentos pela empresa. Por um momento quase acreditei que ela tinha saído de um túmulo...Outra vez, em São Paulo, uma colega representou a "loira do banheiro", muito conhecida por lá: a loira se veste de camisola, coloca algodão nas narinas, faz a maquiagem roxa no rosto pálido e sai pelos banheiros. Quando alguém, sem saber de nada, vai lá no banheiro, a criatura está lá: "pedrificada", num recanto de parede...Uiii!
Ainda bem que os clientes, não nos viam pela net (era em call center e contact center e não tínhamos web cam) e nem pelo telefone...
Vale destacar que, conforme o blog do historiador João Quintino, em São João do Sabugi a primeira festa de Halloween aconteceu na década de 1990. Neste ano já ocorreu, sendo em 22 de outubro.


Anna Jailma - jornalista e blogueira

domingo, 28 de outubro de 2007

Novenas do Coração de Jesus ocorrem nas residências

Foto (Anchieta França): O saudoso Zé Romão, um dos fundadores do Apostolado da Oração. Aqui, em 1995, estava comemorando os 70 anos do Apostolado da Oração do Sagrado Coração de Jesus, que foi criado em 1925 em São João do Sabugi.



Foto (Anchieta França): Diretoria do Apostolado da Oração em Festa do Coração de Jesus de 1997: Sofia Dantas - presidente, Celeste Morais - vice-presidente, Ermita Lucena - secretária, e Maria Eunice - tesoureira.


Foto (Anchieta França): Apostolado da Oração de São João do Sabugi, reunidos com todo Seridó, em Congresso do Apostolado da Oração; em Jardim de Piranhas, em 24 de novembro de 1996.


Foto (Anchieta França): 80 anos do Apostolado da Oração em São João do Sabugi, em 2005.

Foto (Anchieta França): Zeladoras do Apostolado da Oração, nos 80 anos da Associação, em 2005: Da esq. pra dir. Eliene Medeiros, Ermita Lucena, Celeste Morais, Anunciada Gama, Dadinha e Baiquinha. Por trás, avista-se Marluce Brito, Maria das Mercês e Neta.

As novenas do Coração de Jesus continuam ocorrendo todas as noites, nas residências sabugienses; dando seqüência a Festa do Sagrado Coração de Jesus, celebradas pelo Pároco Janilson Alves, contando com participação do seminarista Cláudio, de Caicó, RN.
As novenas contam com os tradicionais leilões arrematando: cestas de frutas, caixinhas-supresa, galinha torrada com "caninha", bolo grude, torta de abacaxi, jerimum caboclo, muita manga, o tradicional creme de galinha e outros sabores, próprios da terra.
A primeira novena, sexta-feira, dia 26 de outubro, ocorreu na casa de D.Eliene de Medeiros, coordenadora do Setor I - Sagrado Coração de Jesus. A segunda novena, ocorreu ontem, sábado, na residência de Zeneide Lucena, dedicada ao Setor II - Santa Terezinha; coordenado por Maria da Penha Araújo.
Hoje, domingo, a Missa e novena, aconteceu na residência de Palmira Garcia, dedicada ao Setor III - Nossa Senhora Aparecida; coordenado por Ermita Lucena. Amanhã, segunda-feira, a novena do Setor IV- Santo Antônio, será na Capela de Santo Antônio, sob a coordenação de Maria de Lourdes Morais.
Na terça-feira, dia 30/10, a novena será no PETI, sob coordenação de Raquel Fernandes, do Setor V - São José. Na quarta-feira, dia 31, a novena é dedicada ao Setor VI - São Sebastião, na residência de Janúncio Costa de Lucena, coordenador do referido Setor.
Amanhã, terça e quarta-feira, o pároco Janilson e a comunidade fazem caminhadas missionárias pelas ruas da cidade, às 5h, vivenciando momentos de oração.
De 01 à 03 de novembro, as novenas são realizadas na Igreja Matriz de São João Batista e em 04/11 acontece Missa Solene, às 10h, e Procissão de Encerramento às 16h30.
O Apostolado da Oração do Sagrado Coração de Jesus, é a associação religiosa mais antiga de São João do Sabugi. Foi fundada em 1925, através do Pe. Domingos e persiste até os nossos dias, sem interrupções. Atualmente conta com 282 membros, entre zeladores e associados.


Anna Jailma - jornalista e blogueira

Quem conhece, volta...Quem ama, vota!

Foto (Euclismar): Nossa Serra do Mulungu


Com o slogan criativo e apaixonado de João Quintino, "Quem Conhece, Volta...Quem Ama, Vota!", os sabugienses estão irmanados na reta final da votação pela Serra do Mulungu, na escolha das 7 maravilhas do Estado do RN.
Amanhã, o escritório do contador Valdick Paiva, conforme já informado neste blog, estará gratuitamente, recadastrando CPF e neste recadastramento, votando na escolha das 7 maravilhas do RN, incluindo a nossa Serra do Mulungu.
Em São João do Sabugi, o escritório da ASTECON, fica ao lado da casa de D. Maria Paiva, no Largo Ana de Souza. Apareça por lá, amanhã, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, com seu CPF, Título de Eleitor, e informando a data de nascimento. O recadastramento é gratuito.
Também nas Secretarias Municipais da Prefeitura Municipal de S. João do Sabugi, você pode votar na Serra do Mulungu entre as 7 maravilhas, comparecendo com seu CPF em mãos.
Vale destacar que em todo o país, sabugienses estão participando e incentivando amigos e familiares nesta votação. Todos os dias recebo e-mails comentando da mobilização a favor da nossa Montanha Mulungu: Edgar Januário e sua irmã Elisa, Conceição Coelho ( filha de Cleodon Feliciano), Marlete Lins e muitos outros, já entraram em contato, via e-mail, confirmando que estão integrados pela votação da Serra do Mulungu.
Esta é a eleição mais pacífica de todos os tempos: todos os sabugienses irmanados pela nossa Serra do Mulungu.
Você pode votar até 31 de outubro. Acesse com CPF em mãos:





Anna Jailma - jornalista e blogueira

Sua presença aqui, agora é computada

A partir de hoje, as visitas neste blog serão computadas. Consegui, através da comunidade de orkut "Tenho Flog e/ou Blog. E você?", informações de como adicionar um contador de visitantes neste modelo de blog. A internet é antes de tudo, interação.
Espero que os visitantes que sempre deixam recados e me enviam e-mails, continuem por aqui; computando a presença. A contagem começa agora: em 28 de outubro.

Anna Jailma - jornalista e blogueira.

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Festa do Rosário acontece em Caicó




Foto (Paulo Júnior): Santuário do Rosário

Em Caicó acontece a Festa de Nossa Senhora do Rosário, deste ano; reunindo os fiéis de Maria, Mãe de Deus, ao som de pífanos, com a Irmandade do Rosário presente, com seus passos ritmados; tradução de uma história milenar.
Na programação dos festejos, houve a I Carreata com Maria, saindo do Parque de Exposições até a Praça do Rosário, dia 21, onde houve leilão e venda de comidas típicas da região.
Hoje a noite, a música encantadora de Paulo Lúcio Dantas, Aninha e Carlos Guedes promete maravilhar os presentes. O tradicional Jantar do Rosário ocorre amanhã, 26/10, tendo Max & Banda no Pavilhão. Na noite de sábado, Bené & Teclados, já tradicional nos pavilhões do Rosário, leva sua música aos presentes. O repertório de Bené & Teclados abrange músicas dos anos 60, até os nossos dias, destacando MPB.
O Pavilhão do Rosário gera um clima agradável de confraternização, ao som da boa música dos artistas da terra, no adro do Santuário. Após a celebração das novenas, é no Pavilhão que os devotos permanecem conversando entre amigos e familiares. Neste clima aconchegante, marca presença nos festejos, os artistas da terra: Orlando, Cabralzinho, Bené & Teclados, Geraldão, Max & Banda, Jasiel & Forró Puêra, Fátima Morais, Paulo Lúcio, Aninha e Carlos Guedes.
Neste domingo, às 10h, é celebrada a Missa Solene da Festa do Rosário. A procissão de encerramento será às 16h30, com os tradicionais Rei e Rainha do Rosário, com suas Cortes, Associações e Movimentos Marianos.
A Festa do Rosário, de Caicó, é evento religioso que marca a história do Seridó ao longo dos anos; traduzindo e fortalecendo a fé e a cultura, que circundam seu povo.






Anna Jailma - jornalista e blogueira



Festa do Coração de Jesus inicia hoje

Foto ( fjfj.site.uol.com.br)
Inicia hoje a Festa do Sagrado Coração de Jesus, com procissão de abertura, hasteamento da bandeira e benção do Santíssimo Sagramento.
O novenário ocorre de 26 de outubro a 03 de novembro, sendo as seis primeiras novenas realizadas em residências familiares, dos Setores Missionários: Setor I – Sagrado Coração de Jesus, Setor II – Santa Terezinha, Setor III – Nossa Senhora Aparecida, Setor IV – Santo Antônio, Setor V – São José e Setor VI – São Sebastião. As três últimas novenas serão celebradas na Igreja Matriz de São João Batista, dedicadas aos devotos do Sagrado Coração de Jesus, zeladores e associados do Apostolado da Oração.
Na noite de 03 de novembro, equipes organizadas irão vender doces, salgados, bolos e comidas típicas em geral, na quermesse que de tudo vai ter muito.
Em 04 de novembro, é celebrada Missa Solene, às 10h, e a procissão de encerramento ocorre às 16h30. Após a procissão, ocorre o tradicional leilão.
Na programa alusivo a Festa do Coração de Jesus, o pároco Janilson Alves destacou a importância cultural, social e religiosa da festa: “ Ela marcava o fim das colheitas do algodão que sustentava a vida de muitos sabugienses que lavravam este solo fértil...A vida, que segue seu curso, naturalmente se encarregou também de mudar o sentido da Festa, porém, o objetivo continua o mesmo: agradecer ao bom Deus as graças recebidas de seu misericordioso coração”, destacou o pároco.
Vamos participar, irmanados com amor e devoção ao Sagrado Coração de Jesus: "Coração Santo/Tu reinarás/O nosso encanto, sempre serás..."


Anna Jailma - jornalista e blogueira.

Mulungu é nossa árvore símbolo!


A eleição para escolha da árvore símbolo da cidade, em 22 de outubro, elegeu a Mulungu, contando com uma votação de 1437 pessoas de todas as idades. As 15 concorrentes da nossa caatinga, foram: angico, aroeira, caibreira, carnaubeira, catingueira, cumaru, imburana, jatobá, juazeiro, jurema, mulungu, oiticica, pau d’arco, pereiro e umbuzeiro.
O objetivo maior da Associação Mata Cinzenta, com esta eleição, é de promover o interesse e mobilização da comunidade em torno da caatinga, trabalhando pela sua preservação e combatendo a desertificação.
Dos 1437 votos, 1431 foram válidos, 05 nulos e 01 em branco. As espécies da caatinga mais votadas foram: Mulungu, com 378 votos; Pau D’Arco,com 170 votos; Juazeiro,com 169 votos; Caibreira,com 146 votos e Umbuzeiro, com 135 votos.
Confesso que eu estava na torcida pela Oiticica, mas, a escolhida merece o título, visto que, nosso símbolo maior já é a Serra do Mulungu, maravilha nº 1 do Seridó.


Foto JQ: A eleita Mulungu, da Praça Basílio Gorgônio, plantada por Marcelo de Liá.


Anna Jailma - jornalista e blogueira.

terça-feira, 23 de outubro de 2007

Isis Gorgônio dança e encanta no SESC de Campina Grande, PB



Foto (divulgação): Ísis Gorgônio, dançarina do Grupo de Dança Caetés, de Campina Grande PB.
Foto ( divulgação): Grupo de Dança Caetés, em uma das inúmeras apresentações pelo Estado da Paraíba. Da esquerda pra direita, Ísis é a quinta dançarina da foto. Linda de viver!


Fotos ( albúm de família): Acima Ísis, em click da mãe Fabíola Gorgônio e na foto ao lado, a sorridente Fabíola Gorgônio, mãe da estrela.
Isis Gorgônio, filha de Fabíola Gorgônio e Ivon, neta dos saudosos Pipita Gorgônio e D. Cacilda, estará dançando no SESC- Centro, de Campina Grande, PB, neste sábado e domingo.
Desde criança, Isis demonstra aptidão para a arte. Sempre gostou de música, fotografia e dança, tendo aplausos e incentivo dos familiares e amigos que, desde cedo, reconheceram e apoiaram seu potencial artístico. Hoje, a vida de Isis já é um palco iluminado; onde os aplausos da platéia comprovam que ela nasceu para brilhar, como estrela que é.
Isis integra o grupo de dança CAETÉS, grupo tradicional que traduz a cultura do nosso povo em dança, com lindos espetáculos, apresentando-se em grandiosos eventos. No Estado da Paraíba, especialmente em Campina Grande, o renomado grupo CAETÉS é reconhecido como um dos melhores grupos de dança do Estado, sendo presença marcante em eventos culturais da cidade.
Quem tiver oportunidade de prestigiar o evento, não perca: sábado e domingo, dias 27 e 28 de outubro, no SESC Centro, de Campina Grande, PB. É beleza e cultura, cúmplices no espetáculo da dança.


Anna Jailma - jornalista




segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Resultado de julgamento do processo 006350/2003 no TCE/RN

Na tarde de hoje, busquei informação junto ao Tribunal de Contas do Estado - TCE, sobre o processo Nº 006350/2003, referente ao 4º Bimestre de 2002, da Prefeitura Municipal de São João do Sabugi, em administração do ex-prefeito Aníbal Pereira. O referido processo, conforme foi publicados em outros blogs do Seridó, e também aqui, foi julgado em 18 de outubro pelo TCE, tendo como relator Tarcísio da Costa.
Após buscar informação no próprio site do TCE e em outros blogs, e não encontrar, entrei em contato com o gabinete do próprio relator. O contato telefônico foi transferido a outros setores responsáveis, onde finalmente obtive o resultado de que, em resumo, "NÃO FOI CONSTATADO IRREGULARIDADES NA ANÁLISE REALIZADA. AS CONTAS EM ANÁLISE FORAM APROVADAS PELO TCE".
O resultado, em detalhes, foi lido, gentilmente, por uma funcionária do setor responsável e segundo ela, a divulgação oficial ocorre somente a partir do dia 25 de outubro, em Diário Oficial.

Anna Jailma - jornalista e blogueira.

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Vídeo da Serra do Mulungu, com poesia, música e fotografias de artistas da terra

Encante-se e divulgue! Nossa Serra do Mulungu está no youtube!

Acesse www.youtube.com e em Search (busca) coloque Serra do Mulungu! Ou se preferir, aqui mesmo no blog, do lado direito da tela, onde consta CLIQUE AQUI, VEJA, ESCUTE E SINTA...você clica no primeiro item SERRA DO MULUNGU EM MÚSICA, POESIA E ARTE...e terá acesso ao vídeo que foi divulgado no youtube, com poesia de Francisco Quinino de Medeiros, música de Totó Medeiros e fotografias de Dercílio Morais e Anchieta França.


Anna Jailma - jornalista

Evento recadastra CPF e intensifica votação na Serra do Mulungu

Foto: Chaguinha (de Mª Natália)
Em 29 de outubro, o sabugiense Valdick Paiva estará promovendo uma ação de cidadania em São João do Sabugi, RN. No seu escritório, em São João, será realizado gratuitamente o recadastro de CPF para os munícipes. Na oportunidade, os sabugienses que fizerem o recadastro, também poderão aproveitar para votarem na escolha das 7 maravilhas do RN, na qual está concorrendo nossa Serra do Mulungu. Sem dúvida é um ato de cidadania que também oferece oportunidade dos sabugienses concretizarem seu amor pelo nosso símbolo maior: a Serra do Mulungu. Aguardo outras informações sobre o evento e publicarei no blog.


Anna Jailma - jornalista

Eleição escolhe árvore símbolo da cidade

Cumaru

Pau D'Arco

Jurema

Está em evidência a eleição para escolha da árvore símbolo de São João do Sabugi. A iniciativa é da Mata Cinzenta, associação de jovens da cidade, que tem como objetivo preservar a caatinga.
Entre as árvores concorrentes estão: angico, caibreira, pau d'arco, juazeiro, pereiro, oiticica, jurema, cumaru e tantas outras da nossa terra.
As pessoas poderão votar no próximo dia 22 e cada um, claro, vota uma única vez!
Parabéns a Mata Cinzenta que, mais uma vez, tem uma iniciativa que visa o despertar dos sabugienses em torno da nossa caatinga.


Anna Jailma - jornalista

TCE julga contas da Prefeitura de S. João do Sabugi, de 2002

A notícia seguinte, trata de julgamento de processo do ex-prefeito Aníbal, no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Li no blog do seridoense Marcos Dantas, no endereço www.marcosdantas.com Conforme a notícia publicada por Marcos Dantas, o julgamento do processo acontece amanhã. É lamentável tal notícia envolvendo nosso município, mas, vamos aguardar o resultado, afinal, o resultado do julgamento é que vai definir se as contas estão, ou não, em conformidade com o TCE.
Anna Jailma - jornalista
Notícia publicada no blog www.marcosdantas.com com data de 15 de outubro.
Contas de Aníbal Pereira serão julgadas essa semana no TCE. Tarcísio Costa será o relator.
Na próxima quinta-feira (18), os conselheiros que integram a Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE), estarão apreciando e julgando 16 processos. Na pauta, consta o processo Nº 006350/2003, referente ao 4º Bimestre de 2002, quando Aníbal Pereira de Araújo (PMDB) era prefeito de São João do Sabugi.
O ex-prefeito Aníbal Pereira terá suas contas relatadas pelo conselheiro Tarcísio Costa. O nome do seridoense é o único que figura entre os ex-gestores da região, na pauta de julgamentos do Tribunal de Contas do Estado dessa semana. As contas de Aníbal Pereira serão analisadas a partir das 9h, juntamente com outros processos que constam na pauta.

quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Escritora de 87 anos vence Nobel de Literatura 2007

Foto (divulgação): Doris Lessing, aborda conflitos raciais, questões feministas e violência infatil, nos seus livros.

A escritora Doris Lessing, de 87 anos de idade, ganhou o Nobel de Literatura 2007. A Academia Sueca anunciou o fato hoje, às 8h, afirmando que ela receberá o prêmio por transmitir a “experiência épica feminina”, que transmitiu com “ceticismo, paixão e força visionária” a divisão da civilização.
Doris nasceu na Pérsia, num território onde hoje é o Irã. Ela viveu mais de 20 anos no Zimbábue, mas se radicou na Inglaterra.Seu trabalho, tem forte influência da época em que ela viveu em Zimbábue, na África, de forma que ela enfoca a divisão entre os brancos e os negros. Mas, sua obra além de abordar conflitos raciais também enfoca questões feministas e a violência contra as crianças.
Entre as obras literárias de Doris estão “Debaixo de Minha Pele”, “As Experiências de Sirius”, “Shikasta” e “O Sonho mais Doce”. Ela completa 88 anos em 22 de outubro e é escritora desde 1950.
O prêmio será entregue, à Doris, em 10 de dezembro, em Estocolmo; no valor de um milhão e meio de dólares.

domingo, 7 de outubro de 2007

Festa de Nossa Senhora Aparecida acontece em São João.

A Festa de Nossa Senhora Aparecida será comemorada na Paróquia de São João Batista, em São João do Sabugi, de 09 a 12 de outubro. Haverá um tríduo de novenas, nos dias 09, 10 e 11 de outubro, às 19h, na Igreja Matriz de São João Batista.
Em 12 de outubro, ocorre Missa Solene, às 10h, na Igreja Matriz, celebrada pelo pároco Pe. Janilson Alves de Oliveira. A procissão de encerramento acontece às 17h, com benção do Santíssimo Sacramento, e benção de automóveis, água, e objetos.

História

Em 1717, três humildes pescadores, Domingos Garcia, João Alves e Felipe Pedroso, encontraram a imagem de Nossa Senhora da Conceição, em terracota, medindo 40 cm de altura, nas águas do Rio Paraíba do Sul, no Porto Itaguaçu, em 12 de outubro. Eles a chamaram de Nossa Senhora Aparecida. Por 15 anos a imagem permaneceu na residência do pescador Felipe Pedroso, e lá as pessoas se reuniam para rezar. Com a devoção crescendo e muitas graças alcançadas, a família construiu um oratório, mas logo, o espaço já era pequeno para comportar a quantidade de devotos. Em 1734, o vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do Morro dos Coqueiros, aberta para visitação em 26 de julho de 1745 mas em 1834 foi iniciada a construção de uma igreja maior, hoje Basílica Velha. Em 17 de dezembro de 1928, a vila formada ao redor do Morro dos Coqueiros tornou-se município e em 1929, Nossa Senhora Aparecida foi proclamada Padroeira do Brasil, por determinação do Papa Pio XI.
Anna Jailma - jornalista

Aniversário sob acordes!


Tudo em São João do Sabugi tem a música pulsando mais forte. Neste momento, músicos da cidade, estão em frente a casa de Sr. Chico de Zé de Rita, por ocasião de seu aniversário; tocando choros, sambas, maxixes, valsas... As pessoas da cidade já estão nas janelas, nas calçadas, para verem de mais perto a comemoração.
Entre as pessoas que já chegaram a casa de Chico de Zé de Rita, estão D. Mariquinha de Odílio, Paizinho de Joca Fole, Ivan de Odílio (fazendo passos de dança na calçada) e Ermita Lucena (minha mãe) que correu pra lá, de gravador na mão. O "Choro de Cascão", "Polvilho", "Favela", "Djali de Queiróz" ( não tenho certeza sobre a escrita desta...) são algumas das músicas já tocadas por lá.
Se você está em São João, pode ouvir a boa música da terra...Se não está, pode imaginar a festa! Ao Sr. Chico de Zé de Rita, os parabéns e votos de felicidades, pelos seus 72 anos de idade!


Anna Jailma - jornalista

sábado, 6 de outubro de 2007

Netos do Sabugi III - Juliana Brito

Nome: Juliana Fernandes de Brito
Pais: Júlio Zoé de Brito e Iria de Medeiros Fernandes.
Estado Civil: casada
Filhos: Sim. Tenho uma filha de 5 anos.
Nasceu em: Natal no dia 19.09.78.
Profissão: Profissional de Tráfego Aéreo
Mora em: João Pessoa
Signo: virgem
Cor: vermelha
Sua característica principal: sou ansiosa
A família na sua vida representa... a base de tudo.
Planos para o futuro: morar em Natal
Um lugar especial: São João
Deus na sua vida: Pai todo poderoso
Um livro que leria novamente: Cem anos de solidão, Gabriel Garcia Marquez
Música especial: as que minha filha cantar pra mim
Um CD que gosta de ouvir: Marisa Monte
Uma viagem que indica: para quem não conhece, Recife
Sabugiense que admira: muitos, não posso citar apenas um
Uma lembrança de São João do Sabugi/RN: a casa do meu vô Devani
Melhor evento de São João do Sabugi: São João
A última vez que estive em São João do Sabugi foi em... abril 2006
Sabugienses que moram em São João e você mantém contato: meu vô, Generina, tia Ilsa e Beto, e muitos outros, entre amigos e parentes distantes
Para São João do Sabugi RN melhorar é preciso: que os jovens tenham mais interesse em estudar e menos em farras

Perfil Sabugiense III - Rosicler Medeiros

Foto (albúm de família): Rosicler Medeiros
Nome: José Rosicler Carlos de Medeiros
Pais: José Carlos de Medeiros e Joanita
Estado Civil: casado
Filhos: Julia e Wagner
Nasceu em: S. João do Sabugi
Profissão: P. F.
Mora em: João Pessoa PB
Signo: Escorpião
Cor: Branco
A família na sua vida representa... tudo abaixo DELE.
Planos para o futuro: morrer de bem com a vida.
Um lugar especial:O TRABALHO.
Deus na sua vida: sem comentários
Um livro que leria novamente: O chacal (policial)
Uma viagem que indica: pantanal
Sabugiense que admira: Bira de Ipueira
Uma lembrança de São João do Sabugi/RN: o banho da pedra de Dogi.
Melhor evento de São João do Sabugi: o São João em 23 de junho
A última vez que estive em São João do Sabugi foi em: 03.10.2007
Sabugienses que moram em São João e você mantém contato: Caboré, meu ídolo.
Para São João do Sabugi RN melhorar é preciso:”o time que está ganhando nunca se mexe”

Longe de Casa III - Em poesia...


O tópico Longe de Casa tem o objetivo de retratar aqui a saudade que os sabugienses têm de sua terra. Neste mês não recebi emails dos filhos da terra falando de sua saudade daqui, mas, conheci a poesia "Saudades do Sertão", da minha sobrinha Suely Nóbrega; falando da saudade do interior, do sertão paraibano...Saudade que ela sentiu ao deixar Santa Luzia, PB, para estudar em Campina Grande, PB.
Ao observar sua poesia, enxerguei nesta saudade, o mesmo sentimento dos sabugienses quando estão "longe de casa", distantes de São João do Sabugi. Santa Luzia, PB, assim como São João do Sabugi, também tem Rio Sabugi, tem folguedos e São João, tem a música nas veias de seu povo, também é sertão...Talvez por isso, a saudade seja tão idêntica, parecendo uma só...


Anna Jailma - jornalista


Saudades do Sertão
*Suely Nóbrega
Como é doloroso pra mim,
Abandonar o sertão...
Chegar na cidade grande,
Com uma dor no coração!
Acordar de manhã cedo,
E não ver meu alazão...
Não sentir o cheiro do café,
Nem a lenha no fogão.
Não poder andar no mato,
Com os pés descalços no chão,
Não ficar mais na calçada,
Tocando meu violão...
Não ouvir os contos e causos,
Não brincar de pião,
Nem ver a mulecada,
Correndo sem direção...
Sentir falta das festas,
Das bandeiras de São João...
Da pamonha...da canjica,
Dos dias de procissão...
Das noites de lua cheia,
Das chuvas no oitão,
Como é doloroso pra mim,
Abandonar o sertão...


*Suely Nóbrega, é filha de minha irmã Maria Vânia Nóbrega e Edson, residentes em Santa Luzia, PB. Suely é estudante de História na UFPB, em Campina Grande -PB.

Mundo Abstrato III - Tédio


O tédio existe somente em adultos. Nunca vi criança com tédio. Criança sempre têm algo a fazer, a criar. Os chamados maduros parecem perder a criatividade no decorrer dos anos por ficarem dependentes de dinheiro e outras coisas que, para as crianças, são inexistentes ou dispoensáveis...Quando raramente nos sobra tempo, nos propomos a ficar zanzando na frente da TV ou do computador e depois nos lamentamos que pensamos em ir ao cinema, ao sítio, à casa de um amigo, ou a viajar para um lugar qualquer; mas faltou "dinheiro", deu preguiça, tinha um trabalho que você levou pra casa ( um dos nossos males é essa mania de levar trabalho pra casa...) etc e tal...E já tratamos de listar um monte de dificuldades que nos impediu de fazer o que queríamos.Nós adultos somos especialistas em criar obstáculos..." Há uma pedra no caminho, no caminho há uma pedra "...
Uma criança contenta-se com coisas simples como pular corda, usar e abusar do balanço da pracinha, dançar na sala e jogar almofadas para o alto. As crianças são "donas de si", muito mais que nós adultos; tão dependentes do dinheiro, das férias, das agendas, do tempo...
Nós adultos somos tão medrosos... Quando criança eu dizia que queria voar, fazia planos de viajar ao Rio de Janeiro sozinha a noite, pilotando um avião... Hoje à tarde passei na ponte de Barra Nova, andando com medo; porque a ponte de aço faz barulho quando passamos e dá pra avistar detalhes do rio lá embaixo...Ah se eu tivesse coragem de criança...

Anna Jailma - jornalista

Lembrança de Outrora III - Concluintes de 1962 do Grupo Escolar

Remexendo antigos cadernos de minha mãe, Ermita Lucena, encontrei esta relíquia: uma música cantada por ela e alunos da Escola Estadual Senador José Bernardo, na época, Grupo Escolar; em referência a turma de concluintes de 1962.
Na turma, entre outros, eram alunos: Maria Galvão, Maria Amélia, Bernadete Araújo, Péricles do Sr. Bezerra, Maria de Lourdes Fonseca (Lourdinha de Peinha). Aguardo fotografia e nomes de outros concluintes, prometidos por Maria Galvão.

Despedida dos Concluintes 1962

Letra: Ermita Lucena
Música: autor desconhecido

Adeus! Grupo Escolar de meus amores
Adeus! Colegas e professores
Caminhemos, a procura de outros livros
Saudosos, porém mui felizes

Terminamos com ardor e ufania
Nosso curso após tanto lutar
Vamos pais, celebrar com alegria
O final desta etapa escolar.


Anna Jailma - jornalista

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Urbano Medeiros apresenta-se no RN e PB

Foto Vinícius Menna: Urbano Medeiros em Natal, RN
Foto Paulo Medeiros: Urbano Medeiros, em Minas Gerais.

Foto Anna Jailma: O reencontro - maestro Antônio (Totó) Medeiros, maestro Francisco (Chiquito) Fernandes e maestro Urbano Medeiros


Foto Anna Jailma: Urbano Medeiros e a jornalista Sônia Martis, de Santa Luzia, PB

Visitando a região Seridó, o músico Urbano Medeiros, sabugiense da gema e reconhecido como um dos melhores músicos do mundo, está incansável nas palestras e apresentações musicais. Urbano esteve presente no Seminário “O Sertão Vai Virar Marketing”, em Caicó, realizou palestra em Santa Luzia, na Paraíba, Cruzeta e hoje, está em Ouro Branco, no RN.
Dia 02 de outubro, ele esteve em Natal, onde integrou o Projeto Seis e Meia, com o músico potiguar Tico da Costa, tocando músicas dele próprio e de grandes nomes da música seridoense, como Felinto Lúcio Dantas. Na capital do Estado, ele concedeu entrevista ao RN TV da Cabugi onde destacou seu trabalho musical, suas raízes sabugienses e as experiências vividas através da música. Ele associa a força da música seridoense as dificuldades vividas na terra árida e fértil, que é o Seridó. Árida pelo solo seco e fértil pela arte e cultura que brota da terra: "Para compensar toda essa vida de sofrimento, da tortura que o meio dá, do descaso político e social, da falta d'água, da falta de chuva, o seridoense busca a arte", diz Urbano.
Um dos marcos desta viagem de Urbano Medeiros, foi seu reencontro com o maestro Francisco Fernandes Filho, Chiquito, bacharel em música e maestro em Santa Luzia, no Estado da Paraíba; reconhecido no âmbito da música pelas ricas composições. Em 28 de setembro, Urbano Medeiros, esteve em Santa Luzia, PB, realizando palestra “A importância da música no Vale Sabugi” na Sede da Banda de Música Duarte Machado, onde foi recepcionado pela filarmônica e pelo maestro Chiquito.
No evento, a Banda de Música Duarte Machado, com 35 músicos, apresentou “Espinha de Bacalhau”, sendo prestigiado por Urbano Medeiros e seu irmão Antônio (Totó) Medeiros. Em seguida, Urbano ministrou a palestra, resgatando a história da música no Vale do Sabugi, destacando a mistura das raças como fonte da música naquela terra, bem como, na região Seridó do Rio Grande do Norte. “É a mistura dos marranos, negros e índios que enriquecem e fortalecem a música do Vale Sabugi, em Santa Luzia, na Paraíba e a música de São João do Sabugi, de Caicó, de todo o Seridó, no Rio Grande do Norte”, enfatizou Urbano; explicando também a origem dos marranos, povo judeu; que chegou ao Brasil com os portugueses, no início da colonização.
Na palestra, ele destacou a importância da música como fonte de vida e paz, e como ponte do diálogo e da fraternidade entre os povos, de diferentes idiomas. Falou sobre sua convivência com índios yanomamis, sobre os sons emitidos pelas tribos indígenas e sobre suas experiências com a musicoterapia, levando alegria de viver em cada recanto do mundo, totalizando 5 mil cidades percorridas. Na oportunidade, Urbano Medeiros, frisou a necessidade da valorização do músico como profissional, digno de respeito e reconhecimento pelo trabalho desenvolvido. “O músico deve ser respeitado e valorizado, pelo poder público e pela comunidade. O músico é um trabalhador, assim como o médico, o jornalista, o engenheiro e tantos outros profissionais”, afirmou ele.
Encerrando o evento, o maestro Totó Medeiros, emocionou a platéia com palavras de agradecimento e em seguida os irmãos tocaram a música “A Ti Meu Deus” para a platéia. O maestro Chiquito, deixando transparecer emoção, agradeceu ao público presente e em especial aos músicos Urbano Medeiros e Totó Medeiros, pela mensagem transmitida.
Anna Jailma - jornalista

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Vândalos?

Foto: Antonio Guadério
Por *Paulo Medeiros


Interessante nos depararmos nos dias de hoje com certos adjetivos o qual pessoas sem competência alguma intitulam outras. Na nossa cidade, Caicó, temos inúmeros esportes e dentre eles temos o patins, skate, bmx (bicicross), le parkour, etc. Denominados Esportes Urbanos, esses esportes são praticados de forma amadora com fundamentos lúdicos, voltados ao lazer, ao bem estar físico, a socialização do indivíduo enquanto membro de um grupo. Que temos a consciência da existência desses esportes é óbvia, mas a repreensão aos praticantes dos mesmos não é tão óbvio assim.
Onde praticar esses esportes? Na maioria das vezes vemos esses praticantes em vias públicas, praças e espaços impróprios para a prática dessas modalidades, mas que pela falta de estrutura precisa se virar para poderem fazer o que gostam, ou será que todo mundo tem de praticar futebol? Calçadas e praças realmente não são locais apropriados para se andar de patins, skate e bmx, muito menos nas ruas. O que acontece é o descaso por parte dos “responsáveis” pela política desportiva de nosso município que nada fazem para a solução desses problemas, ou eles não existem?
Um exemplo: algumas semanas atrás nosso grupo que anda de patins foi taxado na mídia radiofônica como vândalos.Por quem? Não vem ao acaso mencionar , afinal pessoas com esse tipo de visão não vale a pena nem ser lembrado. O fato é que nosso grupo ao andar de patins na Praça do Coreto, a qual é pública, fomos algumas vezes abordados por policiais; isso mesmo, policiais, tentando nos impedir de andar na mesma. Os quais, não conseguiram; pois não tinha fundamento algum, fato esse constatado pelos próprios oficiais de polícia que foram a “tal” ocorrência e presenciaram um grupo de jovens andando de patins normalmente na praça, sem arruaças ou oferecendo perigo aos pedestres, jovens que depois de um dia de trabalho e estudos procuram um lazer, uma atividade que traga uma qualidade de vida. Coisa rara em nossa cultura de festas e bebedeiras.
Essa Ocorrência se originou por uma ligação do secretário de infra-estrutura de Caicó, argumentando que estaríamos acabando com a mesma praça. Senhor secretário de infra-estrutura, os nossos patins são feitos de plástico. Pela lógica, plástico não consegue destruir cimento. Isso é revoltante, pois, nas calçadas, não é próprio para essa prática, pelo motivo de poder haver acidentes com os pedestres. Procuramos a praça à noite porque é vazia, e vazia sabe por quê? Porque nela não se pode haver lazer algum. Mentira? Leve seu filho pra patinar lá, jogar bola e irá constatar. Em que lugar devemos praticar esses esportes? Alternativas sempre serão dadas, mas pergunto, de concreto o que temos de fato. NADA. O descaso, a exclusão desses jovens que gostam de outras modalidades, é clara. É fácil oprimir a minoria, difícil é ter competência para resolver.
Alguma noticia do STREET PARK da Ilha de Santana o qual atenderia as nossas necessidades?
Aliás, o desperdício de gasolina das viaturas que foram nos abordar poderiam ter sido usadas para ir a outros locais que realmente precisam ser policiados.
Se ignorarmos esses jovens, continuarmos excluindo-os do convívio social, de uma sociedade democrática, realmente essas viaturas serão usadas no futuro.


*Paulo Medeiros: aspirante a mestre em Taekwondo, ministra aula há 12 anos em Caicó, acadêmico em Pedagogia (UFRN), acadêmico em Educação Física (UERN), Tatuador profissional, pai e vândalo, pois anda de patins.