sábado, 6 de outubro de 2007

Perfil Sabugiense III - Rosicler Medeiros

Foto (albúm de família): Rosicler Medeiros
Nome: José Rosicler Carlos de Medeiros
Pais: José Carlos de Medeiros e Joanita
Estado Civil: casado
Filhos: Julia e Wagner
Nasceu em: S. João do Sabugi
Profissão: P. F.
Mora em: João Pessoa PB
Signo: Escorpião
Cor: Branco
A família na sua vida representa... tudo abaixo DELE.
Planos para o futuro: morrer de bem com a vida.
Um lugar especial:O TRABALHO.
Deus na sua vida: sem comentários
Um livro que leria novamente: O chacal (policial)
Uma viagem que indica: pantanal
Sabugiense que admira: Bira de Ipueira
Uma lembrança de São João do Sabugi/RN: o banho da pedra de Dogi.
Melhor evento de São João do Sabugi: o São João em 23 de junho
A última vez que estive em São João do Sabugi foi em: 03.10.2007
Sabugienses que moram em São João e você mantém contato: Caboré, meu ídolo.
Para São João do Sabugi RN melhorar é preciso:”o time que está ganhando nunca se mexe”

4 comentários:

Carcará disse...

Cara Anna!

A título de curiosidade, até decada de 60, no século passado, São João era abastecida com agua de cacimbas, cavadas no leito do rio, e existe uma pedra grande e redonda no sitio de Dogí,(citada pelo Rosicler) e no pé existia um poço.Este poço foi por longos anos nosso principal banheario, onde meus filhos e até meus netos davam sempre um jeitinho para fugirem de nossa atenção e se refrescarem.
Um grande abraço.

ANNA JAILMA - annajailma@yahoo.com.br disse...

Carcará, obrigada pelo comentário enriquecedor.

Anônimo disse...

oi meu amigo de corumba e de todos os tempos, saudades de vc meu ro-asseff@hotmail.com vamos nos comunicar saudades;

Anônimo disse...

No meu tempo de adoleslcente em São João do Sabugi, também tomei muito banho no poço de Dorgi. Lembro-me, dos mergulhos naquelas águas, principalmente quando brincávamos de Galinhha Gorda, dizendo: "galinha gorda, gorda é ela... vamor a ela! Quem se lembra dessa diversão dos anos 60, ponha um comentário, para que a saudade não deixe morrer nosso amor por São João do Sabugi.

Luzarte