sábado, 19 de janeiro de 2008

Obra na Igreja Matriz: agressão a História ou melhoria?

A mudança nos degraus do altar-mor da Igreja Matriz de São João Batista, construído em 1935, está causando divisão de opiniões na cidade. O projeto de alteração, diminuindo a altura do altar e aumentando o espaço no altar-mor é uma idéia ainda da época de Dom Jaime Vieira Rocha, como bispo diocesano de Caicó. O Pe. Janilson Alves de Oliveira, administrador paroquial, apoiado pelo Conselho Pastoral Paroquial e pela Diocese de Caicó, determinou o início da obra em 15 de janeiro deste ano.
Conforme informação da Secretaria do Conselho Paroquial, a proposta da obra é de recuar o primeiro degrau favorecendo o alcance ao Sacrário. O segundo degrau será igualado ao terceiro degrau e ambos, igualados a Mesa de Comunhão; permanecendo com os três degraus, embora com menor altura e mais espaço. O altar do padroeiro São João Batista não irá sofrer nenhuma alteração.
Houve reunião de pessoas da comunidade, defensores do patrimônio histórico e cultural do município, com a Promotoria de Justiça, mas, conforme decisão da Promotoria, a obra pode continuar normalmente, não havendo empecilhos conforme a Lei.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Nenhum comentário: