quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Então, é Natal!































A Casa de Cultura Popular de Caicó, montou um presépio na pracinha que fica em frente a Casa de Cultura; nas proximidades da Catedral de Sant'Ana.
O presépio é construído com material reciclado. Uma arte bem produzida, retratando o nascimento de Jesus, a família sagrada, os reis magos, os anjos lá no alto, a manjedoura, os animais do estábulo, os sinos de Natal, a simplicidade do Menino Deus...
O presépio é iluminado e ao visitar o local percebe-se o espírito natalino em cada detalhe; rico em criatividade, em cultura, em arte do povo do Seridó.
Neste cenário, a Casa de Cultura apresentou recentemente o espetáculo "Nascimento de Jesus nas Quebradas do Sertão", com texto em literatura de cordel, com autoria de Djalma Mota e apresentação da Companhia de Teatro Catadores de Vida; formada por jovens e adolescentes do bairro Frei Damião, de Caicó. Jovens e adolescentes carentes, ex-catadores de lixo, que hoje transmitem arte, talento e cultura no teatro; com apoio da Casa de Cultura de Caicó e Associação Amigos da Casa de Cultura.
Então, é Natal...também é tempo de fazer brotar a arte da terra em cada recanto...
Fotos: Anna Jailma
Anna Jailma - jornalista e blogueira

6 comentários:

Moacy Cirne disse...

Para você, minha cara, um bom final de ano: que a paz e as auroras iluminem seu coração, agora e sempre. Um beijo.

ANNA JAILMA - annajailma@yahoo.com.br disse...

Moacy, também desejo-lhe bom final de 2008 e um maravilhoso 2009.
Tenha um Natal e Ano Novo de encantos, poesias, maravilhas abençoadas por Deus!
Você é uma das pessoas que conheço apenas no mundo virtual, mas que muito adimiro pelo ser humano e profissional que é.

Grande e fraterno abraço.

Eliene Dantas disse...

Olá Anna, uma natal cheio de alegrias e muita sorte pra vc, abraço carinhoso

Cláudia Queirós disse...

Hje, ouvindo um a entrevista do Magão, que tenta resgatar a cultura do prsépio,através do material reciclado, me chamou atenção quando ele disse que tentava fazê-lo para resgatar lembranças da sua infância e pq estavam acabando os preépios e dando lugar a cultura do Papai Noel e da árvore de natal.
é verdade o q Magão falou na sua sabedoria rústica, ele tem uma visão que poucos têm. O nascimento de Jesus não teve como senário árvores e presentes, teve como senário, capim, feno alimento animal e objetos de uma estribaria, o único presente era Ele, para seus pais e para toda humanidade. nos dias atuais este presente tão especial esta sendo trocado pela figura de um bom velhinho q oferta belos presentes. E a verdadeira história do Natal, pq não querem ouvi-la? Será q é incômoda. Parabéns ao Magão pela reflexão! Que estimule a muintos. Feliz Natal a vc Jailma e a toda sua família, q vivam a verdadeira história do Natal. Cláudia Queirós

ANNA JAILMA - annajailma@yahoo.com.br disse...

Poetisa Eliene Dantas, de São José do Seridó, obrigada pela sua ilustre presença.
Seu blog está maravilhoso e visito sempre.

ANNA JAILMA - annajailma@yahoo.com.br disse...

Cláudia, concordo com a afirmação de que o presépio é que realmente remete ao nascimento de Jesus, por representar o cenário da manjedoura com presença de Jesus, de Maria e José.
Mas, não considero que exista um problema na troca de presentes ou mesmo no fato de se agregar árvore de Natal ou de Papai Noel, nos dias atuais, desde que isso seja bem "dosado". Jesus também recebeu presentes dos Reis Magos, que o presentearam com ouro, incenso e mirra.
O 'problema' não está ao agregar personagens e símbolos natalinos, mas, sim quando há 'substituição'.
Se trocarmos o verdadeiro sentido ou a importância do presépio pela imagem do Papai Noel ou pelo símbolo da árvore, será lamentável. Mas se apenas agregar estes símbolos nas decorações natalinas, teremos somente um embelezamento maior, um encanto maior.
Vale destacar que Papai Noel trata-se de uma apologia a São Nicolau, que doava presentes aos pobres e a árvore de Natal foi criada por Lutero como forma de reproduzir um pinheiro visto por ele, iluminado pelo céu numa Noite de Natal.
Toda história tem sua beleza, e merece seu destaque; desde que não deixemos de reverenciar a maior delas que é o nascimento de Jesus.
Um Feliz Natal e Próspero Ano Novo para você e toda família; bem como, a turma da Uniodonto Seridó.