terça-feira, 18 de outubro de 2011

F. Gomes


Hoje faz um ano da partida de F. Gomes. O sentimento que permanece é de saudade e também de anseio por Justiça. F. Gomes era a verdade nas palavras, no riso sincero, no aperto de mão firme, em todos os seus atos. Sua história de vida nos mostra isso claramente: ele viveu pautado, firmado na verdade.
A paz anda de mãos dadas com a justiça e a verdade. Que aconteça paz, justiça e verdade no nosso Seridó. A morte de F. Gomes não pode nem deve transformar-se numa incógnita ou interrogação.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Nenhum comentário: