quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Nossas ruínas


A fotografia é um mundo à parte. Engana-se quem pensa que a fotografia é somente aquela imagem estática. Fotografia envolve sensibilidade, transmite a emoção, o calor daquele instante; eterniza histórias, provoca viagens pelo tempo. Tudo depende do tato, da sensibilidade, de quem fez a foto e de quem vê a fotografia.
Bernardo Borges é um fotógrafo que faz parte dos chamados "exploradores urbanos". Eles andam por aí com uma câmera na mão e um lema na mente: “Tire nada além de fotografias, deixe nada além de pegadas.” Fotografam ruínas urbanas. Bernardo teve como cenário os bairros paulistanos. O trabalho de Bernardo Borges, captando imagens de julho à novembro de 2011, rendeu um livro de fotografias - abandonados sp - que já é sucesso em São Paulo e tem destaque na mídia escrita ( veja revista Vida Simples de fevereiro/2012).
São muitos os lugares parados no tempo, consumidos pelo abandono, contando silenciosamente as histórias de outrora.
E ruínas urbanas temos em todo lugar...Qualquer um de nós pode ser explorador urbano, e assim, talvez, plantar o único registro palpável de uma história de ontem, para o futuro; quando as ruínas chegarem ao pó, sem uma pá de preservação...
Pegue uma câmera e siga em frente.

Anna Jailma - jornalista e blogueira
Foto - capa do livro de Bernardo Borges

Nenhum comentário: