quinta-feira, 20 de junho de 2013

A poesia falou mais alto no São João em São João

Na última terça-feira, dia 18, houve Concurso Poético Sabugiense 2013, que premiou poesias modernas. O evento é realizado através da Secretaria Municipal de Educação. O tema foi livre. Parabéns aos participantes e aos realizadores. São eventos assim que incentivam e valorizam a cultura da terra.

Poesias vencedoras - Categoria Moderna 

1º lugar
Su (real) - Hadoock Ezequiel A. de Medeiros.

No meu sertão
Olho entre os galhos secos
De uma planta adormecida
E vejo entre eles, garranchos:
Uma vaca, de fome retorcida.

2º lugar
Ponto de Partida - Davi José Cândido de Lima

A aflição atinge,
Solidão nos vem,
A luz no fim do túnel,
Esperança.
Esperança que nos vem do berço
Onde há um só começo.
Esperança nessa vida,
Onde há um só ponto de partida.

3º lugar
Círculo Vicioso - João Evandro de Medeiros

Um rio
A serra
Um povo
A matriz
Uma festa
A alegria
Um sinônimo
A felicidade


Postagem - Anna Jailma
jornalista e blogueira

Um comentário:

Fláuber Gorgônio disse...

O poema descritivo de Hadoock
Mereceu, no concurso, a distinção.
É bonito, sucinto, triste e forte.
É real. Triste face, sequidão.
Retorcida de fome e de garranchos
Foi paisagem, a vaca, em questão.
E o olhar do poeta transformou
Em beleza a sorte do sertão.