terça-feira, 12 de novembro de 2013

Projeto Cordel pra Todo Mundo é lançado em São João do Sabugi RN



Professora Djanira sempre presente quando trata-se de valorizar a cultura




Geraldo Anízio de Medeiros, recitando "O Barbeiro João Paulino", de sua autoria



Geraldo Anízio de Medeiros, sabugiense e residente em Rondônia, esteve na última segunda-feira enriquecendo a Feira Livre de São João do Sabugi, RN, com seu Projeto Cordel pra Todo Mundo. O projeto foi lançado recentemente na TV Assembleia, TV Câmara e no Programa Cafundó da TV Assembleia, de Natal RN.

Com apoio da Prefeitura Municipal de São João do Sabugi, houve lançamento do referido projeto, no Mercado Público daquela cidade, com recitação do Cordel “O Barbeiro João Paulino”.

O evento cultural contou com presença da Secretária Municipal de Cultura Katiane Silva, das professoras Djanira Araújo, Dorinha Galvão, e de populares que valorizam a cultura.

Parabéns ao grande artista, Geraldo Anízio e aos sabugienses, que souberam valorizar e apoiar este brilhante trabalho, levando cultura à Feira Livre.

 

Anna Jailma – jornalista e blogueira

Fotos – Katiane Silva via rede social

3 comentários:

Anônimo disse...

GERALDO ANÍZIO

ANA JAILMA, OBRIGADO PELA REPORTAGEM EM SEU BLOG À FLOR DA TERRA. O SEU CORDEL EU DEIXEI NA CASA DE SEUS AVÓS MATERNO. MAIS DE MIL CORDEIS FORAM DISTRIBUÍDOS POR TODA PARTE DA FEIRA. A LITERARIEDADE FICOU ESBANJADA NA RETÓRICA POÉTICA DE CADA UM QUE PODE RECITAR DE PÚBLICO, QUAISQUER VERSO QUE VIESSE DE IMPROVISO OU LIDO NA FEIRA. ESSA PRÁTICA FOI SALUTAR PARA TODOS NÓS.

Anônimo disse...

GERALDO ANÍZIO

DEIXEI NA RESIDÊNCIA DE ZÉ ROMÃO, ANA JAILMA, UM EXEMPLAR PARA APRECIÁ-LO E LÊ-LO. FOI MUITO BOM ESTAR NO MEIO DA FEIRA COMO NOS TEMPOS ANTIGOS NO QUAL EU VENDIA MIUDEZAS EM BANCAS DENTRO DO MERCADO PÚBLICO DE SÃO JOÃO DO SABUGI. É UMA GRANDE HONRA PARA MIM. FELICÍSSIMO.

Anônimo disse...

Obrigada Geraldo pelo presente entregue na casa de meus avós maternos. Fico imensamente feliz quando vejo semeadores da cultura conseguindo fazer a cultura chegar onde o povo está. A semente foi plantada e certamente bons frutos virão. Torço muito para que seu projeto tenha uma continuidade, junto a outros semeadores da cultura genuína, autêntica.

Grande abraço.
Anna Jailma