segunda-feira, 30 de março de 2015

CREAS de Caicó define atividades para Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes 2015



Nesta segunda-feira, dia 30, aconteceu no Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS, reunião com CREAS e instituições parceiras, para organização e definição das atividades alusivas a Campanha Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.
A coordenadora do CREAS, Ana Paula de Camara Santos se reuniu com representante do Conselho Tutelar, representante do CRAS da Zona Norte e do CRAS da Zona Oeste, representantes do Sistema de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV, e Secretaria Municipal da Criança e do Adolescente.
De início está definido que as ações devem iniciar já em abril, com capacitação de agentes de saúde e profissionais da Educação. Para maio, a programação inclui Café Social com a Imprensa para divulgação da programação, Stands itinerantes com informações sobre o assunto abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, blitz nas ruas, mesa redonda abordando o tema “Violência Intrafamiliar e suas nuances”, e um dia de atividades esportivas e culturais no Complexo Turístico Ilha de Sant’ana.
Entre as atividades previstas na Ilha de Sant’Ana, estão as disputas esportivas para categorias de crianças e adolescentes, com premiações para os vencedores, e ainda, as premiações para a escolha de melhor paródia e melhor redação, desenvolvidas nas escolas; sobre o tema da campanha. A previsão inicial é de que toda a programação encerre dia 22 de maio.
A Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes ocorre anualmente, através da Secretaria Municipal de Trabalho, Habitação e Assistência Social - SEMTHAS, sendo realizada pelo CREAS, e tendo como DIA D a data de 18 de maio.

Anna Jailma - jornalista e blogueira
Foto - divulgação

Mulheres das Forças Armadas contam agora com licença maternidade de 6 meses



As mulheres mães e militares contam agora com os mesmos benefícios das servidoras públicas civis. A presidência da República sancionou quarta-feira, dia 25, uma lei que, entre outros benefícios, estende a licença-maternidade de quatro para seis meses àquelas que servem nas Forças Armadas.
A Lei nº 13.109, de 25 de março de 2015, publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira, 26 de março, também assegura direitos às adotantes e aos militares pais, que têm oficializada a licença de cinco dias corridos a partir do nascimento do filho.
Assinada pela presidenta Dilma Rousseff e pelo ministro da Defesa, Jaques Wagner, a lei beneficia cerca de 23 mil mulheres que atuam nas Forças Armadas. 
Além dos seis meses assegurados às gestantes, as militares adotantes agora têm licença remunerada de 90 dias, quando a criança for menor de 1 ano de idade; e de 30 dias, no caso daquelas com mais de um ano, podendo haver prorrogação de 15 a 45 dias, dependendo de situações específicas já previstas.

Foto e Fonte: Ministério da Defesa

Anna Jailma – jornalista e blogueira

Concurso de Poesia oferece prêmio de até 3 mil 800 reais



Estão abertas as inscrições para o 10° Concurso de Poesia Luís Carlos Guimarães, lançado pelo Governo do Estado, através da Fundação José Augusto (FJA). As inscrições seguem abertas até dia 30 de abril e podem ser realizadas de forma presencial ou pelos Correios. Cada pessoa pode concorrer com até cinco poemas. 
O vencedor recebe prêmio R$ 3.800; o segundo colocado, R$ 2.800; e o terceiro, R$ 1.750, além de 50 exemplares de um livro editado pela Manimbu, contendo seus textos. Ao todo, quinze trabalhos serão selecionados para a antologia. Os demais têm direito a 25 exemplares.
Quem está em Natal tem a opção de entregar os documentos na sede da FJA (Avenida Jundiaí, 641, Tirol), de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 9h às 12h. São necessários três envelopes. Um deve conter ficha de inscrição, cópia de RG, CPF e comprovante de residência, além de certidão negativa de débitos relativos aos tributos estaduais (obtido em www.set.gov.br).
O segundo envelope é sem identificação. Nele deve constar um CD com todos os poemas, mais uma pequena biografia do participante, com no máximo 500 caracteres (contando com espaços). O último envelope, também sem identificação, é para a cópia impressa dos poemas, sem o nome do autor. Tudo isso é para garantir a imparcialidade da comissão avaliadora na decisão. Os textos das obras deverão ser digitados em fonte “Arial”, tamanho 12, e impressos em papel sulfite, tamanho A4.
Pelos Correios a inscrição deve ser enviada na modalidade de carta registrada com aviso de recebimento, no endereço da Fundação José Augusto localizada na Avenida Jundiaí, 641, Tirol, CEP 50.020-120, Natal/RN, sendo considerada para os fins de recebimento a data da postagem nos Correios. Não serão aceitas postagens após o dia 30 de abril de 2015.
As obras devem ser obrigatoriamente inéditas e escritas em língua portuguesa. Isso não impede a utilização de termos em outros idiomas. Serão desclassificados os textos já publicados de forma impressa ou virtual, no todo ou em parte, ou divulgadas por qualquer meio de comunicação.
Podem participar do concurso candidatos nascidos no Rio Grande do Norte ou domiciliados no estado. São impedidos de participar servidores da Fundação José Augusto e membros da comissão organizadora, bem como seus cônjuges, companheiros ou parentes em linha reta ou colateral, consanguíneos ou afins até o segundo grau.  
Outras informações no site da Fundação José Auguto, inclusive o Edital. www.cultura.rn.gov.br

Fonte: Fundação José Augusto

Postagem: Anna Jailma - jornalista e blogueira

Movimento de Mulheres do Seridó se fortalece na luta pelo Hospital Público da Mulher Seridoense







O Movimento de Mulheres do Seridó em Luta pelo Hospital da Mulher vem realizando mobilizações nas ruas, constantes reuniões e ações, que possam contribuir para tornar o Hospital do Seridó – Fundação Carlindo Dantas, público, e através disso, conseguir sérias e concretas melhorias no atendimento a mulher naquele hospital, como a Rede Cegonha.
Vale destacar que recentemente, de 25 a 27 de março, houve o III Seminário Diálogos com Paulo Freire, em Natal, onde representantes do Movimento de Mulheres compareceram fortalecendo o objetivo de criar o Hospital Público Mulher Seridoense. No evento, o Movimento conseguiu adesão da senadora Fátima Bezerra, que assinou o abaixo-assinadoe se comprometeu a falar com o Secretário de Saúde do Estado e com a Promotora da Justiça da Saúde, responsável pelo caso do Hospital do Seridó.
Na tarde de amanhã, 31, a partir das 16h30, irá haver reunião no Centro Educacional José Augusto – CEJA, tratando de novas mobilizações. Na pauta da reunião está a viabilização dos pontos de coleta de assinaturas favoráveis ao objetivo do Movimento, decidir comissão para se reunir com o Comitê de Morte Materna e com a Promotora de Justiça da Saúde do Rio Grande do Norte, e planejar o Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna e Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher (28 de maio). Para esta reunião, o Movimento de Mulheres do Seridó convoca todas as pessoas interessadas na luta pelo Hospital da Mulher.


Anna Jailma - jornalista e blogueira
Fotos - cedidas pelo Movimento de Mulheres do Seridó

sábado, 28 de março de 2015

Engenheiro sabugiense integra projeto de construção na África




O Engenheiro Civil Diego Galvão, de São João do Sabugi RN, concluiu sua graduação na UFRN em Natal em 2013 e atua na Empresa Carmon Reestrutura.
Com muito foco e determinação, ele integra um projeto do âmbito da engenharia civil no continente africano. Diego está trabalhando na região do Soyo, no interior de Luanda, que é a capital da Angola.  Sua empresa executa a construção de estradas e pontes que viabilizam o acesso da capital Luanda às principais províncias.
“Estamos a 400km de Luanda e eu, particularmente, trabalho na construção de pontes. São 16 pontes para construir e concluímos 2 até o momento. Aqui são muitas obras em execução, que deram início no fim da Guerra Civil”diz ele.
artesanato africano com matéria prima "pau preto"
Diego se mostra encantando com o artesanato africano, e a hospitalidade do povo. “ Trabalhamos na região mais carente da Angola. Mas nossa empresa também realiza ajuda a essas comunidades próximas, fornecendo água em pipas. E sempre temos funcionários da região trabalhando conosco. Antes eles não tinham esta oportunidade. E todos são muito agradecidos a isso, são muito hospitaleiros e alegres, como o povo nordestino” destaca o engenheiro.
Praia Kinzau
Dono de uma visão ampla a cerca do mundo, Diego vem mostrando - e provando - que África também tem suas belezas naturais, uma cultura riquíssima, e desenvolvimento. 
Ele destaca que o artesanato africano é belíssimo, principalmente peças produzidas com a matéria prima "Pau Preto".
Sucesso Diego Galvão! Você está na trilha certa: determinação, foco e mente aberta aos novos conhecimentos, independente das fronteiras geográficas. " Navegar, é preciso".

Fotos: cedidas por Diego Galvão
Anna Jailma - jornalista e blogueira

Programa Seridó Cultura traz Música e Teatro neste sábado




No Programa Seridó Cultura, da Rádio Seridó AM, deste sábado, 29, temos Canto e Teatro, a partir das 16h. Teremos Maria Jose Like , cantora de MPB e música religiosa, de Serra Negra do Norte, e representantes do Grupo de Teatro Valmira Morais Katiane Silva, e Romualdo Souza de São João do Sabugi, RN, que vão falar sobre peças teatrais que marcam datas do calendário cultural do município.
São três representantes da cultura do Seridó e estarão hoje nas ondas do rádio falando sobre música, teatro, influência positiva da arte e cultura para o desenvolvimento social e tantos outros assuntos relacionados.
Maria José Like também atua como vereadora em Serra Negra do Norte. Katiane Silva e Romualdo Souza também atuam como Secretária de Cultura e Coordenador Municipal de Cultura em São João do Sabugi, RN. 
Sem dúvida, são grandes conhecedores da importância que a música e o teatro para produzir aspectos positivos dentro de seus municípios.
Temos o compromisso de divulgar e valorizar a cultura popular do Seridó, mostrando gente que faz cultura com responsabilidade.

Conto com a audiência de quem valoriza a cultura popular.
O Programa Seridó Cultura na Rádio Seridó AM você assiste no site www.radioserido.com.br 

Anna Jailma - jornalista e blogueira

quinta-feira, 26 de março de 2015

Alexandre Muniz é nomeado diretor do Centro Cultural em Caicó





Amanhã, sexta-feira, Dia Mundial do Teatro, 27 de março, o Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Norte tem na sua edição a nomeação de Alexandre Freire Muniz como diretor do Centro Cultural Adjuto Dias.
Alexandre é pedagogo, arte educador, presidente da Associação União do Sobrado e tem inclusive viabilizado, junto a outros profissionais do âmbito artístico e cultural, a aprovação de projetos importantes para Caicó, que serão desenvolvidos já ao longo deste ano.
Há meses que Caicó vivencia mobilizações dos artistas, apoiados pela sociedade civil organizada,com o Movimento Artistas na Gestão Cultural. De forma organizada, os artistas criaram comissão, realizaram o abraço coletivo ao Centro Cultural, criaram fan page em rede social, fizeram fotografias com a tag #artistasnagestãocultural e vídeos com a população e representantes de instituições, em especial com artistas do Seridó, demonstrando a vontade de todos em prol do nome de Alexandre Muniz à frente do Centro Cultural.
Outro fato marcante nas mobilizações foi a Virada Cultural realizada dia 14 de março, Dia da Poesia, quando todos os artistas permaneceram 12 horas - do meio dia à meia noite - em frente ao Centro Cultural realizando as mais diversas apresentações de arte junto a população. Foram 12 horas mostrando os diversos trabalhos que podem - e devem - acontecer naquele espaço para a população.
Apesar de receber o Centro Cultural já com recomendação de suspensão das atividades devido problemas não solucionados em reforma de um ano atrás, certamente Alexandre Muniz irá resolver esta situação e administrar com competência, ocupando aquele espaço com arte, cultura popular e sobretudo, com o compromisso de quem entende, sente e faz acontecer a cultura em Caicó.
A nomeação de Alexandre é uma conquista dos artistas e da população de Caicó e região. Quando a cultura acontece, o desenvolvimento social é uma consequencia natural, inclusive, no aspecto social.
Parabéns ao Governo do Estado que cumpriu seu compromisso de fazer valer a gestão participativa.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Foto/imagem: Movimento dos Artistas na Gestão Cultural